Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Comissões > Comissão Própria de Avaliação
Início do conteúdo da página

Comissão Própria de Avaliação

Criado: Quarta, 16 de Março de 2016, 12h29 | Última atualização em Quarta, 23 de Outubro de 2019, 16h00

- O que é a CPA?

A Comissão Própria de Avaliação (CPA) é uma comissão permanente constituída para conduzir os processos internos de avaliação da Instituição. Ela é composta por representantes de todos os segmentos da comunidade acadêmica e também por representantes da sociedade.

A CPA tem atuação autônoma em relação aos Conselhos e demais órgãos colegiados existentes na Instituição. Ela é regida por regulamento próprio e tem como principais atribuições definir os instrumentos para a autoavaliação institucional, planejar todo o trabalho e elaborar o Relatório de Autoavaliação Institucional. Também é responsável por sistematizar e prestar informações solicitadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

 

- Como é composta a CPA?

A CPA será constituída, por ato do Reitor, tendo representação de todos os segmentos da comunidade interna e da comunidade externa, sendo 2 representantes do segmento técnico-administrativos e 2 suplentes; 2 representantes do segmento docente e 2 suplentes; 2 representantes do segmento discente e 2 suplentes; 2 representantes da sociedade civil organizada e 2 suplentes.

Os representantes dos segmentos de técnico-administrativos, docentes e discentes serão eleitos por seus pares, em processo eleitoral convocado para este fim. Os representantes da sociedade civil organizada serão indicados pelo Conselho Superior.

Devido à característica multicâmpus do IFG, a CPA conta com o apoio de Subcomissões Locais de Avaliação (SLAs) nos câmpus da Instituição. As SLAs são constituídas por três membros titulares e três membros suplentes, sendo um representante titular e um suplente de cada segmento interno (docentes, técnico-administrativos e discentes), indicados por seus pares, conforme o disposto no Regulamento da CPA.

 

- Qual é a duração do mandato da CPA?

2 anos, sendo permitida uma recondução. 

 

- A CPA atua na avaliação do ensino médio e superior?

Os questionários da CPA fazem uma autoavaliação apenas dos cursos superiores, em 10 dimensões previstas na Lei 10.861, de 14 de abril de 2014 (institui o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - SINAES). São avaliados, por exemplo, o corpo docente, infraestrutura, gestão, entre outros. É uma avaliação obrigatória, mas que não regula a existência do curso ou não. Toda a comunidade pode participar dessa autoavaliação.

Existe também uma avaliação externa, que diz respeito ao credenciamento dos cursos superiores e que é feita pelo Inep, com critérios que regulam o recredenciamento dos cursos superiores do IFG.

 Em relação ao ensino médio, não existe avaliação instituída pela legislação. 

 

 

Fim do conteúdo da página