Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Concurso

Concurso de Construção de Pontes de Palitos de Picolé é aberto à participação do público

Criado: Terça, 31 de Outubro de 2017, 16h51 | Última atualização em Quinta, 09 de Novembro de 2017, 12h39

“Resguardar as emendas” foi a estratégia da equipe campeã

Alunos do CEPI Hugo Lôbo avaliam pontes e escolhem a mais bonita
Alunos do CEPI Hugo Lôbo avaliam pontes e escolhem a mais bonita

Torcidas organizadas e campanha para a escolha da ponte com a melhor estética marcaram o 3º Concurso de Construção de Pontes de Palitos de Picolé, realizado no dia 26, no saguão do Bloco Acadêmico do Câmpus Formosa do Instituto Federal de Goiás (IFG), pelo professor Divino Gabriel Lima Pinheiro e pelos técnicos de laboratório Alexandre Camozzi e Milton Pereira das Neves Filho. O concurso envolveu estudantes dos cursos Técnico Integrado ao Ensino Médio de Edificações para Jovens e Adultos (EJA) e Bacharelado em Engenharia Civil.

O concurso teve início às 17 horas, entretanto a agitação começou bem mais cedo, às 14 horas, momento em que a comissão avaliadora passou a receber as pontes inscritas e a colocá-las em exposição para avaliação do público. O concurso, com ares de brincadeira, divertiu alunos, servidores e visitantes do Câmpus. Todos que por ali passaram, inclusive os participantes do Programa Conhecendo o IFG, de outras escolas, analisavam os oito protótipos e depositavam seu voto na urna, escolhendo apenas um deles.

Alexandre Camozzi, um dos coordenadores do evento, ressaltou para os alunos a importância do estímulo a estes tipos de atividades lúdicas. “Aqui estamos num concurso didático, em uma brincadeira, mas lá fora, queremos ganhar um cliente, daí a importância da qualidade final”.

O rompimento das pontes, feitas de palitos de picolé colados uns aos outros, deu-se com um dispositivo de cabo de aço criado pelo professor Divino Gabriel. Ao dispositivo foi pendurada uma corda, cuja extremidade foi amarrada à ponte. Cada uma delas foi submetida a cargas crescentes até que se rompessem. A avaliação levou em conta a resistência das pontes, a entrega de memorial com cálculos e a avaliação do público, escolhendo a ponte com melhor design.

“Aqui estamos num concurso didático, em uma brincadeira, mas lá fora, queremos ganhar um cliente, daí a importância da qualidade final”, diz um dos coordenadores, Alexandre Camozzi.

Premiação

Concorreram as pontes Strong Bridge, Sigma P, Jicky, Raposa, #vemcrea, NASA, Regra de Três e De Roça. A campeã deste ano foi a ponte dos alunos de Edificações, Strong Bridge, a primeira a se apresentar, que obteve nota final 268,82 e suportou o peso de 174,3Kg. Strong Bridge também foi premiada como o Melhor Cálculo. Em segundo lugar, com nota final de 217 pontos e resistência de 97Kg, a ponte Regra de Três; e em terceiro lugar, com a nota 114,54 e 37,32Kg, a ponte De Roça, eleita pelo público como a ponte com melhor estética. Os vencedores foram premiados com medalhas e o campeão geral recebeu o Troféu do 3º Concurso de Construção de Pontes de Palitos de Picolé.

O campeão Wesley Carvalho de Jesus, do 2º ano do  Curso Técnico em Edificações, contou que a equipe levou quatro dias para construir a ponte, a partir do momento em que o concurso foi lançado. Wesley também relatou que a turma se tornou mais unida com a participação no concurso e disse levar dele algumas aprendizagens. “Nós tentamos respeitar o edital e fazer tudo de acordo com as especificações, diferentemente do que vem ocorrendo hoje em dia no Brasil com certas empresas de construção civil, que reduzem custos sacrificando a qualidade dos materiais, prejudicando a obra. A busca constante da perfeição é o que levamos daqui”, declarou.

O aluno de Edificações, Vinicius Luiz de Moraes, levanta o troféu Campeão Geral, entregue pelo diretor-geral Murilo de Assis Silva  3º Colocado Geral e ponte com Melhor Estética 

Veja álbum de fotos na página do Instituto Federal de Goiás/Câmpus Formosa, no Facebook.

 

Setor de Comunicação Social/Câmpus Formosa

Fim do conteúdo da página