Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
formatura

Alunos dos três cursos superiores do Câmpus Inhumas recebem seus diplomas

Criado: Sexta, 07 de Junho de 2019, 16h45 | Última atualização em Terça, 25 de Junho de 2019, 14h11

Colação de grau foi realizada ontem à noite no pátio do Câmpus

xxxxxxxxx
   Solenidade foi presidida pelo Pró-reitor de Extensão, professor Daniel

Nesta quinta-feira, 6 de junho, foi realizada mais uma solenidade de colação de grau no IFG-Câmpus Inhumas. Dez alunos dos cursos Bacharelado em Ciência e Tecnologia de Alimentos, Bacharelado em Sistemas de Informação e Licenciatura em Química receberam seus diplomas. A cerimônia foi presidida pelo Pró-reitor de Extensão do IFG, professor Daniel Silva Barbosa, que representou o reitor da Instituição, professor Jerônimo Rodrigues da Silva.

Também foram membros da mesa diretiva: o diretor-geral do Câmpus, professor Luciano dos Santos; o chefe do Departamento de Áreas Acadêmicas (DAA), professor Guenther Carlos Feitosa de Almeida; a coordenadora do curso Bacharelado em Ciência e Tecnologia de Alimentos, professora Pabline Rafaella Mello Bueno de Almeida; o coordenador do curso Bacharelado em Sistemas de Informação, professor Victor Hugo Lázaro Lopes; a coordenadora do curso Licenciatura em Química, professora Elaine Aves de Faria Braga, e o coordenador de Registros Acadêmicos e Escolares do Câmpus Inhumas, servidor Rafael Soares de Lima.

A formanda Roberta Miranda Garcia de Muniz prestou o juramento em nome das turmas e o orador foi o estudante Rodrigo Porfírio dos Santos. Os alunos Layla Sthéfany da Silva Neves e Cayo Eduardo da Silva Neves recebram a outorga de grau em nome de todos os formandos. 

Resistência

xxxxxxx
  Momento em que Layla e Cayo receberam a outorga de grau

Em seu pronunciamento, o professor Luciano agradeceu a presença de todos e parabenizou os formandos. "Em um país onde 51% da população entre 18 e 24 anos não concluiu o a educação básica e apenas 14% possui ensino superior, chegar onde vocês chegaram é um ato de resistência e de luta diante de tamanha desigualdade na sociedade brasileira", destacou o diretor. Ele ainda convidou os estudantes a levarem o nome do IFG para onde forem. "Onde quer que vocês estejam, seu que podem fazer a diferença para a construção de um mundo melhor, mais justo e igualitário", afirmou.

O Pró-reitor de Extensão do IFG, que presidiu a solenidade, cumprimentou os formandos e lembrou a importância da educação para o crescimento do país. "A educação pode tornar a sociedade mais democrática. Somos uma grande nação e precisamos defender a educação, a cultura, a democracia. Precisamos defender a qualidade na educação agora, precisamos defender que os professores sejam respeitados", ressaltou o professor Daniel.  

Antes de encerrar a cerimônia, o Pró-reitor também defendeu que o modelo de educação da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (da qual o IFG faz parte) seja expandido. "Precisamos defender que diferentes pessoas sejam bem formadas, bem formadas em escolas públicas", acrescentou. 

 

 

 

Fim do conteúdo da página